quarta-feira, dezembro 28, 2011

Isto é que é jornalismo do bom

segunda-feira, dezembro 12, 2011

quinta-feira, dezembro 01, 2011

O carácter internacionalista do povo português

Se tem um problema
Vê-se grego

Se não compreende alguma coisa 
"Aquilo" é chinês

Se trabalha de manhã à noite

Trabalha que nem um mouro

Se vê uma invenção moderna
É uma americanice

Se alguém fala muito depressa 

Fala que nem espanhol

Se alguém vive com luxo 

Vive à grande e à francesa

Se alguém quer causar boa impressão 

É só para inglês ver 
Se alguém tenta regatear um preço 
É pior que cigano!

Se alguém é agarrado ao dinheiro 

É pior que judeu

Se vê alguém a divertir-se 

Está a gozar que nem um preto

Se vê uma loura alta e boa 

Parece uma autêntica sueca
Se quer um café curtinho 

Pede uma italiana

Se vê horários serem cumpridos 

É pontualidade britânica

Se vê um militar bem fardado 

Parece um soldado alemão 
Se uma máquina funciona bem 
É como um relógio suíço

Mas quando alguma coisa corre mal 

É "À PORTUGUESA"

domingo, novembro 27, 2011

Nosso Fa(r)do

 
Jornais, rádios e televisões entraram em histeria há já vários dias, com títulos como "O Mundo à espera do fado como Património da Humanidade", mas hoje atingiram o paroxismo. Acho este comportamento pequenino, para não dizer outra coisa mais negativa. O Fado não vai ficar melhor nem pior com esta declaração. O Fado existe e impôs-se sem declarações de qualquer espécie. E continuaria a existir e a impôr-se sem mais esta declaração da UNESCO. Não há paciência! Acho que uma cobertura mais calma deste evento por parte de todos os meios (em especial as televisões - que se destacam na histeria, como sempre) nos ficaria muito melhor.
 É realmente um atestado do complexo de inferioridade e da bazófia nacional.

Mas este ridículo já vem de longe. Quem não se lembra de se fazerem grandes manchetes ( e entrevistas na TV) à costureira portuguesa que fez as bainhas da bandeira americana que foi colocada na Lua? Até herdeira de Vasco da Gama chamaram à pobre emigrante, por participar na conquista lunar.

Para além de mil e uma considerações que poderia fazer sobre o processo de patrimonialização e sobre esse delírio da imaterialidade, que - por dever de ofício - estudo há longos anos, será que as pessoas não entendem que o fado não fica melhor nem pior por ter ou não ter um papel carimbado?

Valeria a pena que os histéricos passassem os olhos pela lista do património imaterial classificado pela UNESCO e descobrissem coisas tão engraçadas como, por exemplo, que a cozinha mediterrânica foi classificada, mas apenas em Espanha, Grécia, Itália e Marrocos. Ninguém pergunta aos responsáveis nacionais porque é que Portugal não quis alinhar com estes países?

E sabiam que coisas tão notáveis e determinantes para o futuro do teatro e da música, como a Comedia del'Arte ou o Jazz de New Orleans não estão na lista, porque nem a Itália nem os EUA tiveram interesse em concorrer? As coisas que têm realmente valor não precisam de carimbo nenhum!

Este histerismo luso ainda me chateia mais porque esta gente minúscula olha para a classificação como património da humanidade como um concurso ou um campeonato, agindo com a fúria insana de torcedor futebolístico. Aposto que, se a Unesco não atribuir a classificação, isto vai ser considerado como o célebre Ultimatum. Ainda vão fazer um peditório nacional para comprar um navio para ir bombardear o "pérfido e invejoso comité"!

O mérito do Fado é exatamente o mesmo caso seja ou não "carimbado" pelo comité da Unesco. Ninguém anda aqui a marcar golos ou a contar pontos para eliminatórias. Isto NÃO É uma competição e ponto final. Ficar eufórico ou deprimido só por causa de um carimbo só vem demonstrar a nossa pequenez e falta de auto-estima.

Para acabar, só quero sublinhar o que mais me espanta em todo este processo: entre tanto jornalista militante e iluminado, porque é que nenhum se lembrou de fazer a pergunta mais óbvia do mundo - Porque é que o Fado nunca foi classificado como Património Nacional?
 

segunda-feira, novembro 14, 2011

sexta-feira, outubro 21, 2011

Significado de Portugal

 País Onde Roubar, Tirar, Usurpar,  Gamar,  Aldrabar é Legal

segunda-feira, outubro 17, 2011

quarta-feira, setembro 28, 2011

sábado, setembro 24, 2011

Correção dos velhos ditados

É dando.............................. que se engravida.
Quem ri por ultimo................. é retardado.
Alegria de pobre................... é impossível.
Quem com ferro fere............. não sabe como dói.
Sol e chuva,......................... vou sair de guarda-chuva.
Em casa de ferreiro............... só tem ferro.
Devo, não pago..................... nego enquanto puder.
Quem tem boca vai................ ao dentista.
Quem tem boca ............... fala, quem tem condição vai a Roma.
Gato escaldado .................... morre.
Quem espera,........................ sempre cansa.
Quando um não quer............... o outro insiste.
Os últimos.............................. serão desclassificados.
Carro a álcool,........................ você ainda vai empurrar um.
Há males.......................... que vem para pior.
No começo é assim..............depois piora
Quem dá aos pobres............... cria o filho sozinha!!!

quarta-feira, agosto 31, 2011

Que absurdo!

ONDE JÁ SE VIU ??
UM CÃO CONDUZIR UM CARRO??

quinta-feira, agosto 25, 2011

Empregada a pedir aumento


- Senhora, estou a precisar de um aumento.
A senhora muito chateada pergunta:
- Maria, porque você acha que merece um aumento? Você só está aqui há 3 meses.
- Senhora, há três razões porque eu acho que mereço um aumento. Em primeiro lugar, eu passo as roupas melhor do que a senhora.
- Quem foi que disse isso?
- Foi o patrão quem disse. Em segundo lugar, eu cozinho melhor do que a senhora.
- Que absurdo, quem disse isso?
- Foi o patrão quem disse. Em terceiro lugar eu sou melhor na cama que a senhora.

- Filha da Puta. Foi meu marido quem disse isso também?
- Não senhora, foi o motorista...
- E... QUANTO VOCÊ QUER DE AUMENTO?...

sexta-feira, agosto 05, 2011

As melhores frases dos clientes (Centro de Atendimento ZON TV CABO)

ZON TV CABO:

- " A minha mulher não saiu de casa à espera que a viessem montar!"
____________

- "O senhor tem computador?"
- "Tenho sim...  tá ao fundo da escada!   É o da água ou o da luz?"
_____________________

 
"Boa tarde! Era para activar o meu desqualificador."
_____________________

 
"Bom dia! Eu quero ter o canal sexual em minha casa..."
_____________________

 
 "Era para saber se já tinham motivado a minha tvbox!"
_____________________

 
Uma cliente: "Atão vieram cá montar a minha vizinha de cima e não me montaram a mim porquê ?!"
_____________________

 
"Era só para dar o número do pib para descontar no banco."
_____________________

 
Uma cliente: "Era só para dizer que já me montaram... Aliás, acabaram mesmo agora de me montar, e por acaso fiquei muito satisfeita... fiquei mesmo, o que é foram-se logo embora sem me sintonizar os canais..."
____________________

 
 "Era só para activar a TVSporting..."
_____________________

 
Uma cliente: "Pois ... realmente montaram-me lá em cima e depois montaram-me em baixo e quanto a isso tudo bem. Só não gostei foi que me riscassem o chão todo!!!"
____________________

 
"Tenho a Superbox ligada"
_____________________

 
"Queria desistir da playbox"
_____________________

 
Despiste técnico:
Assistente: "Desligue e ligue a powerbox e já deve ficar a funcionar "
Cliente:  "Já fiz e não dá nada !"
Assistente : "Depois de ligar a powerbox, que luzes é que tem acesas ?"
Cliente:  A da sala e a da cozinha, porquê, faz interferência?"

________________
 
Assistência Técnica rede móvel:
- O Sr. quer que eu tire o chispe?
____________________

 
Olhe, queria saber se já tenho o room service activado.
_____________________

 
Olhe, só liguei para dizer que se alguém me ligar pode deixar mensagem, porque agora vou desligar o telemóvel.
_____________________

 
Não tenho fax, eu quero é que me envie um fax por carta.
_____________________

Menina, queria que o meu número não aparecesse nos retrovisores dos outros telemóveis.
_____________________

 
Cliente: Olhe, queria alterar o meu tarifário para Hamburger Life.
_____________________

 
Cliente: Fiz uma chamada para outra pessoa e tiraram-me dinheiro do telemóvel. Mas então sou eu que pago?
_____________________

 
Assistente: A senhora deverá ligar o número do serviço para ouvir as suas mensagens .
Cliente:  Ligo para esse número e peço para falar com quem?
_____________________

 
[dificuldade em captar rede]
Assistente:   Experimente retirar a antena e voltar a colocá-la.
Cliente: Nem pensar! A antena vem agarrada e depois parto isto tudo...  Dava cabo da minha vida.
_____________________

 
Cliente brasileira: Ponham um sambinha na música de espera!  Estes fados são horriveis!
_____________________

 
Cliente: Queria saber se o meu número está conferencial ou não...
_____________________

 
[indicação de teclado bloqueado e de rede disponível]
Cliente: O meu telemóvel tem um garfo e uma colher no visor...
Assistente: Qual é a marca e o modelo do seu equipamento?
Cliente: É um Inox 510.
_____________________

 
Cliente: Que quer dizer isto... chamadas de emergência?
Assistente: Significa que o telemóvel da senhora não tem rede neste momento
e só pode fazer chamadas de emergência.
Cliente:  Ai, que alívio! Pensei que era para ligar para o Hospital. Estava aflita a pensar quem é que estaria nas emergências.
____________________

 
Cliente: Estou aqui com um problema no meu telemóvel...
Assistente: Qual é exactamente a situação?
Cliente:  É que não me lembro do ping e o que é pior é que perdi o pum...
_____________________
 

quinta-feira, julho 28, 2011

À venda em Espanha

Evita o sobreaquecimento e nunca mais queima a junta da cabeça

terça-feira, junho 21, 2011

O Tribunal é do melhor

Estas são piadas retiradas do livro 'Desordem no tribunal'. São coisas
que as pessoas realmente disseram, e que foram transcritas
textualmente pelos taquígrafos, que tiveram que permanecer calmos
enquanto estes diálogos realmente aconteciam à sua frente.

_________________

Advogado : Qual é a data do seu aniversário?
Testemunha: 15 de Julho.
Advogado : Que ano?
Testemunha: Todos os anos.
______________________________________________

Advogado : Essa doença, a miastenia gravis, afecta a sua memória?
Testemunha: Sim.
Advogado : E de que modo ela afecta a sua memória?
Testemunha: Eu esqueço-me das coisas.
Advogado : Esquece... Pode nos dar um exemplo de algo que você tenha
esquecido?
__________________

Advogado : Que idade tem o seu filho?
Testemunha: 38 ou 35, não me lembro.
Advogado : Há quanto tempo ele mora com você?
Testemunha: Há 45 anos.
_____________________________________________

Advogado : Qual foi a primeira coisa que o seu marido disse quando acordou
aquela manhã?
Testemunha: Ele disse, 'Onde estou, Berta?'
Advogado : E por que é que se aborreceu?
Testemunha: O meu nome é Célia.
______________________________________________

Advogado : Diga-me, doutor... não é verdade que, ao morrer no sono, a
pessoa só saberá que morreu na manhã seguinte?
_____________________________________________

Advogado : O seu filho mais novo, o de 20 anos...
Testemunha: Sim.
Advogado : Que idade é que ele tem?
______________________________________________

Advogado : Sobre esta foto sua...o senhor estava presente quando ela foi
tirada?
_____________________________________________

Advogado : Então, a data de concepção do seu bebé foi 8 de Agosto?
Testemunha: Sim, foi.
Advogado : E o que é que estava a fazer nesse dia?
_____________________________________________

Advogado : Ela tinha 3 filhos, certo?
Testemunha: Certo.
Advogado : Quantos meninos?
Testemunha: Nenhum.
Advogado : E quantas eram meninas?
______________________________________________

Advogado : Sr. Marcos, por que acabou o seu primeiro casamento?
Testemunha: Por morte do cônjuge.
Advogado : E por morte de que cônjuge ele acabou?
_______________________________________________

Advogado : Poderia descrever o suspeito?
Testemunha: Ele tinha estatura mediana e usava barba.
Advogado : E era um homem ou uma mulher?
____________________________________________

Advogado : Doutor, quantas autópsias já realizou em pessoas
mortas?
Testemunha: Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas...
______________________________________________

Advogado : Aqui no tribunal, para cada pergunta que eu lhe fizer, a sua resposta
deve ser oral, está bem? Que escola frequenta?
Testemunha: Oral.
____________________________________________

Advogado : Doutor, o senhor lembra-se da hora em que começou a examinar o
corpo da vitima?
Testemunha: Sim, a autópsia começou às 20:30 h.
Advogado : E o sr. Décio já estava morto a essa hora?
Testemunha: Não... Ele estava sentado na maca, questionando-se por que razão eu
estava a fazer-lhe aquela autópsia.
___________________________________________

Advogado : O senhor está qualificado para nos fornecer uma amostra de
urina?
_____________________________________________

******* Esta é a melhor! ********

Advogado : Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor verificou o pulso da
vítima?
Testemunha: Não.
Advogado : O senhor verificou a pressão arterial?
Testemunha: Não.
Advogado : O senhor verificou a respiração?
Testemunha: Não.
Advogado : Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia
começou?
Testemunha: Não.
Advogado : Como é que o senhor pode ter a certeza?
Testemunha: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.
Advogado : Mas ele poderia estar vivo mesmo assim?
Testemunha: Sim, é possível que ele estivesse vivo e tirando o curso de Direito em algum lugar!!!
  

sábado, junho 18, 2011

Video de Claude Lelouch filmado nas ruas de PARIS ao volante dum Ferrari GTB (1978)

Em agosto de 1978, portanto há 31 anos, o cineasta francês Claude Lelouch adaptou uma câmera giroscopicamente estabilizada na frente de um Ferrari 275 GTB e convidou um amigo piloto profissional de Fórmula 1, para fazer um trajeto no coração de Paris ... na maior velocidade que ele pudesse.

A hora seria logo que o dia clareasse.
O filme só dava para 10 minutos e o trajeto seria de Porte Dauphine, através do Louvre até a basílica de SacreCoeur.
Lelouch não conseguiu permissão para interditar nenhuma rua no perigoso trajeto a ser percorrido.

O piloto completou o circuito em 9 minutos, chegando a 324 km por hora em certos momentos.
O filme mostra-o furando sinais vermelhos, quase atropelando pedestres, espantando pombos e entrando em ruas de sentido único.
O sol nem  tinha nascido.

Quando mostrou o filme em público pela primeira vez, Claude Lelouch foi preso.
Nunca revelou o nome do piloto de fórmula 1 (AP) que pilotou a máquina e o filme foi proibido, passando a circular só no underground.

Se ainda não viu o clássico, prenda a respiração e clique no link.
Se já viu, veja de novo.
Vale a pena curtir a emoção de passear em Paris como se estivesse a bordo de um Ferrari 275 GTB.

Versão Integral...  Raridade ...
 

quarta-feira, junho 15, 2011

Juventude à rasca?

"Todos pensam em deixar um planeta melhor para os  nossos  filhos...  Quando é que pensarão em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"
Essa pergunta foi a vencedora num congresso sobre vida sustentável.

quarta-feira, março 23, 2011

Porreiro pá!

Mensagem de Bento XVI ao Primeiro Ministro José Sócrates:
-Meu filho, não PEC's mais.

sábado, março 05, 2011

O que Sempre Soube das Mulheres (by Rui Zink)

Tratam-nos mal, mas querem que as tratemos bem. Apaixonam-se por serial-killers e depois queixam-se de que nem um postalinho. Escrevem que se desunham. Fingem acreditar nas nossas mentiras desde que tenhamos graça a pregá-las. Aceitam-nos e toleram-nos porque se acham superiores. São superiores. Não têm o gene da violência, embora seja melhor não as provocarmos. Perdoam facilmente, mas nunca esquecem. Bebem cicuta ao pequeno-almoço e destilam mel ao jantar. Têm uma capacidade de entrega que até dói. São óptimas mães até que os filhos fazem 10 anos, depois perdem o norte. Pelam-se por jogos eróticos, mas com o sexo já depende. Têm dias. Têm noites. Conseguem ser tão calculistas e maldosas como qualquer homem, só que com muito mais nível. Inventaram o telemóvel ao volante. São corajosas e quando se lhes mete uma coisa na cabeça levam tudo à frente. Fazem-se de parvas porque o seguro morreu de velho e estão muito escaldadas. Fazem-se de inocentes e (milagre!) por esse acto de vontade tornam-se mesmo inocentes. Nunca perdem a capacidade de se deslumbrarem. Riem quando estão tristes, choram quando estão felizes. Não compreendem nada. Compreendem tudo. Sabem que o corpo é passageiro. Sabem que na viagem há que tratar bem o passageiro e que o amor é um bom fio condutor. Não são de confiança, mas até a mais infiel das mulheres é mais leal que o mais fiel dos homens. São tramadas. Comem-nos as papas na cabeça, mas depois levam-nos a colher à boca. A única coisa em nós que é para elas um mistério é a jantarada de amigos – elas quando jogam é para ganhar. E é tudo. Ah, não, há ainda mais uma coisa. Acreditam no Amor com A grande mas, para nossa sorte, contentam-se com pouco.

quinta-feira, fevereiro 17, 2011

segunda-feira, janeiro 24, 2011

Eu votei!

Não compreendo é como é q o meu candidato não ganhou :\ (n fui eu q fiz isto! :p)

terça-feira, janeiro 18, 2011

quinta-feira, janeiro 13, 2011

Afinal ele tinha avisado!

Afinal ele tinha avisado que não percebe patavina do que é governar um país, nem queria lá chegar.